top of page

PF DESMENTE VERSÃO DE QUE ADÉLIO TERIA PRESTADO DEPOIMENTO E ACUSADO O PT PELA FACADA EM BOLSONARO


O jornalista Rubens Valente, que é colunista do UOL, revelou no final da tarde desta segunda-feira (14/2) que a Polícia Federal desmentiu a versão de que Adélio Bispo teria prestado novo depoimento associando o PT à facada que desferiu em Jair Bolsonaro, durante a campanha eleitoral de 2018.


A informação contraria a narrativa estrategicamente armada pelo presidente, seus filhos e apoiadores, de que o PT seria o mandante da facada no então candidato Jair Bolsonaro. Também desmancha a tese dos vídeos distribuídos nas redes sociais, principalmente nas chamadas bolhas bolsonaristas, evidenciando a prática e o uso de fake news.


Na última quinta-feira (9), o presidente Jair Bolsonaro afirmou, no cercadinho do Palácio da Alvorada, que algo iria acontecer nos próximos dias “que vai nos salvar”. O Anonymous usou o Twitter, no sábado, dia de 12 fevereiro, para compartilhar a informação de que "Adélio Bispo prestou depoimento gravado pela Polícia Federal dizendo que a facada teria sido encomendada pela campanha de Haddad em 2018". Para referendar o discurso, Carlos Bolsonaro, o filho do presidente, disparou um vídeo, totalmente manipulado, em que Zé Dirceu, ex-ministro de Lula, analisa o cenário eleitoral de 2018 e atribui a "erros nossos, como foi a facada em Bolsonaro", entre outras questões, a derrota na disputa presidencial.


DESESPERO Apesar da manipulação grosseira do vídeo e do conteúdo mentiroso do mesmo, o objetivo dos bolsonaristas é alimentar o discurso de ódio contra o PT e, desta forma, evitar que Lula suba ainda mais nas pesquisas eleitorais.

Comments


JORNALISMO LIVRE E INDEPENDENTE_edited_e
  • Twitter
  • Facebook
  • Youtube
bottom of page