top of page

O 11 DE AGOSTO EM PORTO ALEGRE TERÁ ATO EM DEFESA DA DEMOCRACIA E DO ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO


O 11 de agosto, será um dia de protestos em diversas cidades do Brasil. Em resposta aos ataques do presidente Jair Bolsonaro (PL) à “Carta aos Brasileiros e Brasileiras em Defesa do Estado Democrático de Direito”, diversas entidades sociais, estudantes, professores, centrais sindicais, entre outras tantas categorias profissionais, devem engrossar as manifestações de rua da próxima quinta-feira. A expectativa dos organizadores é de que os atos tenham grande concentração de pessoas, ao menos nas maiores capitais do país. Em São Paulo, a expectativa é de que a manifestação na Faculdade de Direito da USP, prevista para as 11 horas, seja gigantesca.


Já em Porto Alegre, o ato será em frente à Faculdade de Direito da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), a partir das 11 horas, com a participação dos ministros aposentados do Supremo Tribunal Federal (STF), Neri da Silveira e Nelson Jobim. Durante a atividade, haverá leitura da manifestação do Conselho da Unidade da Faculdade de Direito da UFRGS e da Carta aos Brasileiros da USP.


A expectativa dos organizadores é de que até o dia 11, a carta seja assinada por mais de um milhão de pessoas. Após criticar o documento durante uma entrevista que concedeu a Rádio Gaúcha, na terça-feira (2/8), Bolsonaro acabou dando mais visibilidade à Carta, além de potencializar os protestos Brasil afora. “Esse pessoal que assina esse manifesto, é cara de pau, sem caráter. Não vou falar os adjetivos aqui que eu sou uma pessoa bastante educada. Essa é uma grande realidade”, afirmou o presidente.

A "Carta aos Brasileiros" atingiu ultrapassou a marca de 700 mil assinaturas, desde que foram abertas as adesões para o público externo, na terça-feira (26/7). Para aderir, acesse o site oficial (estadodedireitosempre.com) do manifesto. Além disso, na aba "Adesões", os internautas podem consultar quem aderiu, além da busca pela inicial, que ficou praticamente impossível (tal a quantidade), pelo nome e um sobrenome da pessoa. A carta faz defesa da democracia e do sistema eleitoral do Brasil e foi inspirada na proclamação de direitos chamada de "Carta aos Brasileiros", de 1977, um marco importante na luta contra o regime militar, escrito e lido pelo mestre Goffredo da Silva Telles Jr. no pátio das Arcadas do Largo S. Francisco. Na lista há nomes da história contemporânea brasileira, incluindo 17 subscritores da Carta de 77.

Comments


JORNALISMO LIVRE E INDEPENDENTE_edited_e
  • Twitter
  • Facebook
  • Youtube
bottom of page