top of page

MOTORISTAS DE APLICATIVOS ANUNCIAM PARALISAÇÃO EM TODO BRASIL DIA 15 DE MAIO


Motoristas de aplicativos de transporte ameaçam parar por 24 horas, na próxima segunda-feira, dia 15 de maio, em protesto contra a defasagem dos repasses do valor da corrida pelas empresas. A paralisação está sendo convocada pela Federação dos Motoristas de Aplicativos do Brasil (Fembrapp) e pela Associação dos Motoristas de Aplicativos de São Paulo (Amasp). A expectativa de adesão é de 70% da classe em todo o País. Nacionalmente, existem mais de 2 milhões de motoristas ativos. No Estado de São Paulo, são R$ 36,7 mil.


O valor repassado pelas plataformas para os motoristas segue congelado desde 2015, 2016 enquanto as plataformas aumentaram os preços para os passageiros. Há casos em que o desconto para o motorista chega a 60%, o que inviabiliza o trabalho dos motoristas, em função do aumento do preço do combustível, óleo, aluguel ou financiamento do veículo.


GREVE MUNDIAL EM 2019 No dia 10 de maio de 2019, os motoristas da Uber no Brasil decidiram aderir ao movimento internacional de protesto contra a empresa em razão da abertura de capital do aplicativo na Bolsa de Valores. Na época, a adesão à greve ocorreu em São Paulo, Rio de Janeiro, Minais Gerais, Rio Grande do Sul, Tocantins, Pernambuco, Espírito Santo e Bahia. A comunicação entre os condutores se dá por grupos de WhatsApp e Telegram.


Comments


JORNALISMO LIVRE E INDEPENDENTE_edited_e
  • Twitter
  • Facebook
  • Youtube
bottom of page