top of page

MANIFESTAÇÃO ANTIRRACISTA REÚNE MULTIDÃO EM FRENTE AO GRÊMIO NÁUTICO UNIÃO EM PORTO ALEGRE


O ato contra o racismo e em solidariedade ao cantor Seu Jorge reuniu uma multidão de manifestantes na tarde de sábado (22/10), em frente ao Grêmio Náutico União (GNU), no bairro Bela Vista, em Porto Alegre. O protesto foi convocado por coletivos negros e movimentos sociais, como o Movimento Negro Unificado, o Movimento Vidas Negras Importam e a União de Negras e Negros pela Igualdade (Unegro-RS), com o apoio da CUT-RS e centrais sindicais e da bancada negra na Câmara Municipal.


O protesto em frente ao clube foi uma resposta aos insultos racistas dirigidos ao cantor Seu Jorge, no final de um show realizado no último dia 14, culminando com a abertura de inquérito na Polícia Civil. Em nota à imprensa, o Grêmio Náutico União se posicionou sobre a manifestação antirracista e os ataques sofridos por Seu Jorge.

"Em relação às manifestações contra o racismo promovidas neste sábado (22) em frente ao Grêmio Náutico União, elas são legítimas e têm total apoio do Clube, desde que realizadas de maneira pacífica. O Grêmio Náutico União lamenta os fatos ocorridos durante apresentação do cantor Seu Jorge, no dia 14 de outubro, em suas dependências, com a presença de associados e não-associados.


O Clube se solidariza com o artista, que foi escolhido para realizar o show por sua representatividade na cultura nacional e pelo reconhecimento internacional, e destaca o respeito ao profissional e ao seu trabalho. O Grêmio Náutico União repudia qualquer tipo de discriminação e está colaborando com a Polícia Civil para a apuração dos fatos".


Fotos: Carolina Lima / CUT-RS

Commentaires


JORNALISMO LIVRE E INDEPENDENTE_edited_e
  • Twitter
  • Facebook
  • Youtube
bottom of page