top of page

“FOMOS DEIXADOS SOZINHOS”, DENUNCIA ZELENSKY APÓS OTAN ABANDONAR A UCRÂNIA NA GUERRA CONTRA A RÚSSIA


O presidente Volodymyr Zelensky acusou a Otan de abandonar a Ucrânia, deixando o país sozinho diante da ofensiva do exército da Rússia. Em um discurso no início da manhã desta sexta-feira (25/2), Zelensky disse que a Ucrânia foi deixada sozinha para enfrentar a Rússia. "Quem está pronto para ir à guerra por nós? Sinceramente, não vejo ninguém. Quem está disposto a dar à Ucrânia garantias de adesão à OTAN? Honestamente, todo mundo está com medo”, acrescentou o presidente ucraniano. A Rússia enviou tropas para a Ucrânia na quinta-feira, com o presidente Vladimir Putin declarando uma operação militar especial para “desmilitarizar e desnazificar” a Ucrânia. Desde então, Moscou disse a Kiev que consideraria negociar com o governo Zelensky se concordar em discutir o status neutro do país, entre outras coisas. O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, disse na quinta-feira que "status neutro e rejeição de hospedar sistemas de armas [ofensivos]" são "linhas vermelhas" de Putin para a Ucrânia e que a bola estava agora no campo de Kiev.

Comments


JORNALISMO LIVRE E INDEPENDENTE_edited_e
  • Twitter
  • Facebook
  • Youtube
bottom of page