top of page

O MOVIMENTO ESTUDANTIL ENTROU EM CENA E FEZ BOLSONARO "FRAQUEJAR" AO VIVO


O movimento estudantil entrou em cena e fez Bolsonaro "fraquejar" ao vivoO governo sentiu o baque dos últimos dias de mobilização dos estudantes em todo o país. "Acusou o golpe" recebido na live semanal de Jair Bolsonaro, em que tratou de explicar o inexplicável: o absurdo corte de bolsas de mestrado e doutorado em todo o país, medida que se seguiu ao corte de 30% do orçamento das universidades federais e instituições de ensino a nível nacional.

Foi na live semanal de Jair Bolsonaro, que fez junto com Abraham Weintraub, o inapresentável ministro da educação bolsonarista, que ficou completamente nítido que o "valentão" Bolsonaro fraqueja frente à mobilização nas ruas. Ao contrário do que é seu padrão de sempre atacar as universidades, os estudantes, os professores, o tal "marxismo cultural" e um longo etc dessa direita nojenta, o que se viu foi um governo na defensiva e, como não podia deixar de ser, passando os ridículos de sempre. O ministro encenou uma farsa infantil colocando chocolates para explicar que "se trata de um contingenciamento, e não cortes como andam dizendo por aí". Defensivo, tentou mostrar que a medida que elimina bolsas de pesquisa de milhares de estudantes seria apenas uma poupança para dias mais benevolentes na economia.





JORNALISMO LIVRE E INDEPENDENTE_edited_e
  • Twitter
  • Facebook
  • Youtube
bottom of page